Prevenir a gripe no gato

A gripe felina é muito semelhante à gripe humana. O gato pode ter a garganta dorida, corrimento nasal, espirros e febre. Apesar de nos gatos adultos a gripe não constituir perigo de vida, pode conduzir a um estado crónico de saúde deficiente (como a rinite) e ter efeitos mais graves nos gatinhos e gatos idosos. Neste artigo vamos analisar em profundidade a gripe felina, as causas e os métodos de prevenção que podem manter o seu gato saudável durante todo o ano, bem como alguns cuidados especiais a ter com os gatos.

As causas da gripe felina

Basicamente, a gripe felina é uma doença que afeta o trato respiratório superior dos gatos. É geralmente provocada por dois vírus, o herpesvírus felino ou o calcivírus felino, contudo, pode também ser causada por bactérias, como a chlamydophila felis (anteriormente conhecida como clamídia) e a bordetella bronchiseptica, a causa da tosse canina. O tempo decorrido entre a infeção e o aparecimento dos sintomas situa-se no intervalo dos três a cinco dias. Após evidenciar os sintomas, a doença geralmente dura até sete dias, podendo prolongar-se. Os gatos podem tornar-se portadores do vírus mesmo quando estão saudáveis, sendo que essas partículas podem sobreviver até uma semana no meio ambiente. Uma infeção bacteriana pode prolongar-se por um mês ou mais.

Os diferentes sintomas

  • • O herpesvírus felino produz os sintomas mais graves, podendo resultar em úlceras oculares.
  • • O calcivírus provoca sintomas do trato respiratório superior, incluindo pneumonia, podendo também originar úlceras orais e, ocasionalmente, artrite. Nos gatinhos, pode ocorrer coxeio temporário. A infeção pelo calcivírus é geralmente bastante ligeira e menos provável de originar complicações graves.

Métodos de prevenção

Prevenir as constipações e a gripe felina não é tão difícil como pode pensar. A vacinação e a limpeza da casa são boas formas de evitar que o seu gato seja infetado:

Vacina : a melhor forma de prevenir a gripe felina é através da vacinação. Apesar de a vacina não abranger todas as estirpes de vírus, assegura proteção contra os tipos mais comuns. São necessárias duas doses da vacina durante a infância, seguidas de reforços regulares. As vacinas podem também estar disponíveis para formas bacterianas da gripe felina. Pergunte ao veterinário se as considera necessárias para o seu gato.

Manter a limpeza da casa: os desinfetantes domésticos ajudam a proteger contras as bactérias e vírus que podem acumular-se nos tampos das mesas, pavimentos e outras superfícies. Lavar regularmente a cama, comedouro e bebedouro, bem como os brinquedos mais utilizados, pode ajudar a reduzir a ocorrência de doenças. Lembre-se de aspirar todas as áreas em que o gato gosta de se esconder.

Alimentação adequada: uma boa dieta e um estilo de vida saudável mantêm o sistema imunitário do gato em forma. Experimente Purina Pro Plan para proporcionar ao seu gato os benefícios de uma dieta saudável.

Se o gato adoecer com gripe, é importante ser diligente na limpeza. Se o gato adoecer, tenha cuidados redobrados encorajando-o a comer com algumas guloseimas e muito carinho. Se o seu gato vive com outros animais, é importante pô-lo de quarentena e desinfetar todas as áreas partilhadas.

Gripe felina: Ficheiro de factos

DESCUBRA O ALIMENTO PRO PLAN® PARA O SEU GATO